Buscar
  • Nonato Brito

Polêmica: Escritor afirma em livro que Damásio não é comunidade quilombola


Em seu último livro, "Recontando a História de Guimarães", recentemente publicado, o escritor Paulo Oliveira afirma que o povoado de Damásio não é comunidade quilombola, sob o ponto de vista da Historiografia, ainda que seus habitantes sejam remascentes de escravos da fazenda do português Manuel Martins. Em seu livro, o escritor registra que as terras de Damásio, doadas à várias famílias de escravos de etnia negra, pelo português Manuel Martins, não foi reduto de negros fugidos, acrescentando que "a referida comunidade, nestes últimos tempos, passou a ser designada de quilombola, ainda que esta não se adeque ao verdadeiro conceito histórico de quilombola, que era o lugar onde os negros fugitivos das fazendas se agrupavam, para tentarem viver com total liberdade, e o local onde se encontra assentado tal conjunto habitacional jamais foi reduto de negros fugitivos de seus locais de escravidão. Tal comunidade, portanto, nada tem a ver com a verdadeira definição de quilombola".


0 visualização