Buscar
  • Nonato Brito

Coronel Castro confirma candidatura a prefeito


Coronel Castro confirma a candidatura a prefeito pelo PSB

O Coronel Castro confirmou ontem (23) ao Blog Vimarense a sua candidatura prefeito de Guimarães pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB). Em carta aberta a seus conterrâneos, o Coronel Castro enumera as razões que o levaram a sair candidato a prefeito nestas eleições. Nas eleições de 2012, o coronel Castro chegou ter seu nome registrado como candidato a vice-prefeito na chapa do médico Artur Farias, mas foi substituído por seu filho Diego Castro, atual vice-prefeito do município. A seguir a carta aberta, publicada pelo candidato:

"Amigos conterrâneos e amigas conterrâneas de Guimarães,

Eu, Delcio de Castro Barros (Coronel Castro), venho até a presença de vocês comunicar que depois de ouvir o partido a que estou filiado e escutar conselhos de vários conterrâneos e conterrâneas que acompanham minha caminhada dentro do nosso Município, resolvemos ser um pré-candidato a prefeito do nosso município. A nossa decisão está relacionada pelo descaso em que a cidade se encontra, com a saúde deficitária, chegando ao ponto das mulheres conterrâneas terem que se deslocar para outras cidades para terem seus filhos. Na Educação, vários colégios fechados e a merenda escolar com muita deficiência, estradas sem manutenções, a ponte que liga o povoado de Cumã está prestes a desabar e causar acidentes e mortes de pessoas, o pescador não tem quaisquer tipo de apoio, e os lavradores ficaram esquecidos pelo poder público municipal. Em suma, estamos dispostos a enfrentar esse desafio, com muita coragem e confiança. Nasci no Povoado de Genipaúba no ano de 1961, tive uma infância muito pobre, minha mãe costurava dia e noite para alimentar 5 filhos, e aos 7 anos de idade perdi minha mãe. Ela morreu devido um câncer no ovário, então hoje, graças ao nosso bom Deus temos um lugar ao sol, nos formamos e formamos nossos filhos. Conheço cada palmo de nossa cidade, do Povoado de Baiacu, passando pelo Porto de Baixo, ao Ceará e Santa Rita, indo pelo Maçaricó até Pareaua, e na volta passando pela Vila Nova e Prata vamos a Boa Esperança, depois de volta, passamos pelo Gepuba e Lago do Sapateiro e deslocamos até a praia de Araoca e depois que passamos por vários e grandes povoados. Por isso, coloco nosso nome à disposição dos nossos conterrâneos e conterrâneas."


27 visualizações