Buscar
  • Nonato Brito

Valdir Abrantes toma posse na Cadeira nº 13 do IHGG patroneada por Carlindo Raposo


O vimarense Valdir Abrantes toma posse na Cadeira nº 13 do Instituto Histórico e Geográfico de Guimarães, patroneada por Carlindo Raposo.

O vimarense Valdir Abrantes tomou posse, no último dia 11,na Cadeira nº 13 do Instituto Histórico e Geográfico de Guimarães, patroneada por Carlindo Raposo, destacado músico vimarense do povoado Zaranza. A solenidade ocorreu às 20 horas na sede do IHGG, no prédio da Oravi, localizado na praça Luís Domingues.

Valdir Pedro Abrantes da Silva nasceu no dia de São Pedro – 29 de junho de 1948, no Povoado Gepuba, Guimarães. É filho de Antônio Silva e Maria Abrantes da Silva. É pesquisador da História de Guimarães. Com dez anos de idade veio para a sede do Município a fim de estudar no Grupo Escolar Dr. Urbano Santos, passando a residir com o casal Alice e Paulo Nogueira, na Praça Luís Domingues. Concluído o 5.º ano primário retornou a seu povoado para integrar-se com seus pais aos serviços da lavoura. Nesse período começa a estudar música, aprendendo a tocar trompete com o mestre Carlindo Raposo, no vizinho Povoado de Zaranza. É comerciante estabelecido na Rua Monsenhor Estrela, no centro da cidade. Foi campeão pelo time do Gepuba e jogou no América Futebol Clube, da sede. Em 1972 foi nomeado tabelião do Cartório Distrital de Gepuba, instalado pelo então Juiz da Comarca, Dr. Sai Luiz Chung. Fez o Curso à distância Madureza Ginasial pelo Instituto Universal Brasileiro. Foi Vereador à Câmara Municipal de Guimarães nas legislaturas de 1982 a 1988 e de 1989 a 1992. Foi Secretário-Chefe de Gabinete em duas gestões municipais. Há décadas está presente com o seu trompete nas procissões do padroeiro da cidade, São José. É casado com Juliana Aguiar da Silva com quem tem os filhos Valdir Júnior (falecido), Valdinéia, Vitória Regina, Valdilene e Jadson.

O Instituto Histórico e Geográfico de Guimarães foi fundado no início deste ano e tem como finalidade fomentar o estudo e a divulgação de temas História, Geografia e Cultura, particularmente relacionados ao município de Guimarães. Acompanhando a tradição dos Institutos Históricos e Geográficos existentes em todo o País, O IHGG criou 40 cadeiras homenageando vimarenses falecidos ou cidadãos falecidos com vínculos vimarenses, que tenham se dedicado à área da História, Geografia e Cultura no município de Guimarães.


0 visualização