• Nonato Brito

FOTO DE ARQUIVO (41) Há 51 anos os doentes eram carregados em redes para o Posto de Saúde


À frente do Posto Médico Bom Samaritano, dirigido por Missionários Canadenses, um doente chega em uma rede, na jibaia, para ser medicado. O carregador da esquerda é o conhecido e respeitado estivador Manelão (já falecido). Ao centro, acompanhando o doente, a técnica em enfermagem Domingas Araújo. O Posto Médico Bom Samaritano era o único posto de saúde existente no Município. Em 1967, em Guimarães, só existiam 2 carros: o jeep da Missão Canandense e o caminhãozinho 3/4 da Prefeitura Municipal. Nesse ano, ainda não havia hospital, que só seria inaugurado no ano de 1983. O Posto Médico Bom Samaritano, fundado pela Organização Assistencial Vimaranense (ORAVI), organização não governamental fundada pelo vimarense Monsenhor Benedito Estrela, funcionava na Praça Luís Domingues (onde hoje está instalado o Hotel Pindorama). Em 1967, a ORAVI fez convênio com a Missão Canadense e a com a Prefeitura Municipal, passando o posto médico, a partir desse ano, à direção da Missão Canadense. A ORAVI entrou com o prédio e os equipamentos do posto médico já existentes, a `Prefeitura Municipal com 4 funcionários e a Missão Canadense com duas enfermeiras: a Irmã Estefânia e a leiga Ivete Gagne. Na década de 1980, o Município encampou o Posto Médico Bom Samaritano. A fotografia tem 51 anos. (Foto: Arquivo da Missão Canadense)

Destaque
Tags