• Blog Vimarense

Carnaval triste. No ano que vem a gente desforra


Pé de mangue ao lado do Trapiche, na Baía de Cumã, em Guimarães-MA, ao amanhecer, neste sábado de Carnaval. (Foto: Nonato Brito)

Os carnavais de Guimarães são sempre uma oportunidade das famílias se reencontrarem. Principalmente os vimarenses que residem e trabalham na capital. É o momento em que a mãe beija o filho, o filho abraça o pai, o irmão revê o irmão e os amigos se reencontram. No ano passado, a alegria do reencontro já estava grande a uma altura desta. A cidade já estava fervilhando. Neste ano de 2021, a pandemia do coronavírus-19 atrapalhou tudo. Esta foto, tirada no Trapiche, no início desta manhã, retrata a exuberância do mar e dos nossos manguezais, trecho da Floresta dos Guarás. Mas, ao mesmo tempo, no primeiro plano, está um pé de mangue solitário, a retratar o folião solitário deste carnaval. Neste ano, o folião só vai poder passar o carnaval na sua própria casa, com poucas pessoas por perto e com a máscara de proteção no rosto. Temos de preservar as nossas famílias. É um esforço pela vida. No ano que vem, com a vacina, a gente desforra!

Posts recentes

Ver tudo
Destaque
Tags