• Nonato Brito

Aruoca ou Araoca?


Praia de Araoca em Guimarães

A mais famosa praia de Guimarães tem nome indígena. Vem da língua tupi: ara=ave oca=casa. Casa de ave. Muitos a chamam de Aruoca, porém o nome correto é Araoca, conforme a escritura da terra, registrada no Cartório de Imóveis da cidade. O mais antigo registro está no livro “Itinerário da Província do Maranhão”, do engenheiro português Antônio Bernardino Pereira do Lago, publicado pela Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileira, volume 35, no Rio de Janeiro, no ano de 1872, portanto, há 144 anos. Escreve o autor, coronel do Real Corpo de Engenheiros: “Do lado do sul da baía é a vila de Guimarães, a 3 léguas para dentro da ponta dos Atins e Araoca, ponta esta que hoje sai mais fora que aquela por efeitos do mar, o que deverá notar-se nas cartas.” A palavra Araoca vem da língua tupi, falada pela nação tupinambá, primeiros habitantes de Guimarães. A praia, inicialmente frequentada só por pescadores de Guimarães, de Cedral e, posteriormente, da Raposa, começou a ser visitada por centenas de pessoas de outros municípios, a partir da abertura da estrada Damásio-Araoca no ano de 1990, durante a gestão do prefeito Antônio Agenor Gomes. Atualmente, há domingos em que contam-se mais de 40 ônibus trazendo visitantes dos municípios de Mirinzal, Central do Maranhão, Pinheiro, Cururupu, Bacuri, Santa Helena, Peri-Mirim, Bequimão, Turilândia, Maracaçumé, dentre outros. (Fonte: “Itinerário da Província do Maranhão”, livro de Antônio Bernardino Pereira do Lago, São Paulo, Editora Siciliano, reeditado em 2001)

Destaque
Tags